Mais 1ndic@ções

Órgão eleitoral da Venezuela autoriza auditoria de 100% dos votos

Órgão eleitoral da Venezuela autoriza auditoria de 100% dos votos

Órgão eleitoral da Venezuela autoriza auditoria de 100% dos votos:
O candidato da oposição, Henrique Capriles (Foto: Ariana Cubillos/AP)
O candidato da oposição, Henrique Capriles (Foto: Ariana Cubillos/AP)

O Conselho Nacional Eleitoral (CNE) da Venezuela anunciou na noite de quinta-feira (18) que aceitou o pedido do candidato da oposição, Henrique Capriles, e autorizou a auditoria de 100% dos votos das eleições realizadas no domingo (14), dada a "particular" situação política do país. "Acordamos ampliar a auditoria sobre 46% das urnas que não foram auditadas no dia da eleição", disse a presidente do CNE, Tibisay Lucena, em uma declaração pública que deixou claro que não haverá a recontagem de votos um por um.
Na quarta-feira (17), a equipe de campanha de Capriles apresentou uma solicitação para a revisão do processo eleitoral como condição indispensável para aceitar os resultados. O candidato chavista, Nicolás Maduro, venceu o líder da oposição pela curta margem de 1,8%, o que representa 272 mil votos de diferença. Depois de Capriles ter anunciado que não reconheceria os resultados até a recontagem de 100% dos votos, vários protestos opositores ocorreram por todo o país, deixando oito mortos e mais de 60 feridos, segundo o Governo.
A presidente do CNE reiterou que os resultados emitidos pela entidade são "absolutamente transparentes" e refletem "de forma exata" a expressão dos venezuelanos. Lucena disse que no domingo já foi feita, em conformidade com a lei, a auditoria de 54% dos votos e que a solicitação apresentada pela oposição não implicou uma recontagem de votos, o que só poderia obter ao impugnar os resultados perante a Suprema Corte.
A presidente do CNE disse que será selecionada uma amostra de urnas para ser auditada durante dez dias, quando se emitirá um relatório preliminar, repetindo esse procedimento até um prazo de 30 dias. Lucena afirmou que a entidade anunciará o início desse processo na próxima semana.
Após o anúncio feito pelo CNE, Capriles se pronunciou para dizer que aceita a auditoria. "Nós aqui, o comando Simón Bolívar, aceitamos o que o Conselho Nacional Eleitoral anunciou ao país. Com isso, estamos onde queremos", disse Capriles em uma declaração pública. "Eu quero hoje felicitar o nosso povo, porque isso foi uma luta de vocês, das venezuelanas e dos venezuelanos. Essa foi uma luta heroica, uma luta espiritual, uma luta pela verdade", afirmou o candidato opositor.
AS
#Compartilhar

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Arquivo Indicador

INDIC@ DESDE 2008 - INDICANDO OS MELHORES CONTEÚDOS
Jovex Webdesigner
Hoje é

Marcadores

Traduzido Por: Mais Template - Designed Seo Blogger Templates