Lagoa azul - Por onde anda o casalzinho da Sessão da Tarde da Globo



Emmeline e Richard, duas crianças juntamente com Paddy Button, um velho marinheiro, são os únicos sobreviventes de um naufrágio. Após ficarem à deriva por várias horas, eles vão parar numa ilha do Pacífico Sul. O lado oposto da ilha é habitado por nativos que praticam certos sacrifícios em seus rituais, mas em momento algum eles são ameaça para os náufragos. 


Algum tempo depois, Paddy aparece morto, ficando as crianças sozinhas. As duas crescem, começam a descobrir o amor, apaixonam-se e aprendem a viver a base de erros e acertos em suas tentativas, resultado: têm um filho.

"A lagoa Azul" teve Brooke Shields e Christopher Atkins como protagonistas de um dos filmes românticos mais assistidos dos anos 80. No Brasil, o filme é muito conhecido por ser o mais exibido de todos os tempos na Sessão da Tarde na TV Globo.




Brooke Shields

Ganhou fama como atriz ainda criança e na adolescência como uma das modelos mais fotografadas e reconhecidas. Brooke era a "menina dos olhos" dos fotógrafos novaiorquinos, tanto que uma de suas fotos, onde aparecia em cenas de nudez explícita e com maquiagem carregada quando tinha dez anos, foi vendida na Christie's por um milhão de dólares; que resultou em um grande imbroglio judicial entre a atriz e o fotógrafo Garry Gross.

Mas foram exatamente as fotografias feitas por Cross que abriram as portas de Hollywood para Shields que com 12 anos estrelava o controverso "Pretty Baby (filmado por Louis Malle em 1978), dando vida a uma menina que vivia em um bordel. Esse filme contém várias cenas de nudez, o que levou a sociedade a sérios questionamentos sobre pornografia infantil. Logo em seguida, em 1979, filmou Wanda Nevada, menos notado e menos polêmico.

Aproveitando o "gancho" da polêmica que envolvia o nome de Brooke, ela foi convidada a aparecer em comerciais provocativos e controversos das calças jeans da Calvin Klein em 1980, quando tinha quinze anos. As propagandas incluiam a famosa frase "nada fica entre eu e minha Calvin".

Após duas décadas de dezenas de filmes, os mais conhecidos ainda são "A lagoa Azul" de 1980 –que incluía mais cenas de nudez– e "Amor Sem Fim" de 1981, ambos filmados no início de sua carreira.

Em 1984 Shields foi a acompanhante de Michael Jackson na premiação do Grammy daquele ano e namorou com ele por um breve período. Também participou em vários documentários e produções de TV, sendo "Suddenly Susan", da rede NBC, a mais bem sucedida.

O ator Tom Cruise criticou Brooke duramente em 2006 pelo uso de um anti-depressivo para o tratamento de uma depressão pós-parto. Ela respondeu as críticas, em um artigo do New York Times, dizendo que ele deveria "continuar combatendo os aliens" (referência ao papel de Cruise no filme Guerra dos Mundos e provavelmente uma crítica à doutrina da Cientologia), e "deixar as mães decidirem a melhor maneira de cuidar de seus problemas"

Shields ficou casada com o tenista André Agassi por dois anos, mas não tiveram filhos. Desde 4 de abril de 2001, é casada com o escritor de televisão Chris Henchy. Têm duas filhas, Rowan Francis (6 anos) e Grier Hammond (3 anos) e está com 44 anos.




Christopher Atkins

Chegou a profissão de ator quase por acaso, já que ao apresentar-se ao casting de "A lagoa Azul" -junto a 4.000 aspirantes- quase não tinha tido experiência e não sobressaia precisamente por seu talento. No entanto, ficou com o papel mais significativo de sua carreira, ao menos até hoje.

Depois do sucesso do filme participou em "Listen to Me"" e ganhou um prêmio Razzie de pior ator coadjuvate. No entanto em "The Pirate Movie", uma malograda comédia musical, interpretou a música "How Can I Live Without Her", que finalmente terminou se tornando um grande sucesso. Um ano depois atuou em "Night in Heaven" e fez parte do elenco estável do seriado "Dallas" até 1984, interpretando o papel de amante de Linda Gray.

Ao longo de sua carreira, seu físico trabalhado levou-o a aparecer nu em outros tantos filmes e em várias sessões fotográficas, que terminaram convertendo Atkins em ícone gay. Neste período também começou a protagonizar alguns filmes para a florescente indústria do video com realizações de baixo orçamento. As produções nas quais participou foram tendo cada vez menos repercussão nas bilheterias e só as produtoras menores deram um lugar em seus filmes.

Desde 1994 os filmes nos quais atuou são do gênero de ação onde interpretou policiais, vaqueiros ou galãs, entre eles "Project Shadowchaser III", "Lima: Breaking the Silence" e "Mutual Needs". Em 2007 obteve pequenos papéis nas comédias "The Unlikelys", "Blind Ambition", que apesar de bem recebidas pela crítica, não conseguiram fazer sucesso.

Atkins está casado desde 1985, tem 48 anos, dois filhos, gosta de viajar e atualmente está envolvido em diversos projetos e filmes que muito provavelmente nunca cheguem por aqui, está também trabalhando -como produtor e participante- em um reality show chamado "Confissões de um ídolo adolescente".
Share on Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mais Acessados

Mais 1ndic@ções